Avaliação 180 graus: entenda o que é e como aplicar

avaliação-180-graus

A avaliação 180 graus é uma metodologia de análise de desempenho muito usada na gestão de pessoas atual. Ela tem o objetivo de avaliar o desempenho dos colaboradores durante um determinado período, promovendo o diálogo individual entre eles e seus gestores imediatos.

Pensa só: você consegue girar a cabeça 180 graus (ou quase isso). Quando você vira de um lado para o outro, está tendo a visão de dois pontos distintos. É basicamente isso que acontece no sistema de avaliação 180 graus.

De forma simples, é uma avaliação de desempenho que considera duas perspectivas:

1 – A do próprio colaborador, que faz uma autoavaliação.

2 – A do gestor direto ou supervisor do colaborador, que o avalia;

Um ponto fundamental é que o avaliador precisa trabalhar diretamente com  o avaliado, pois só assim ele pode formar uma opinião e emitir feedbacks sobre suas competências profissionais a partir de experiências.


Para que serve a Avaliação 180 graus?

Avaliações de desempenho 180 graus são aplicadas dentro das organizações com o intuito de identificar lacunas de competência, gerar aprendizagem dirigida e criar planos de desenvolvimento para os colaboradores.

De forma geral, o feedback é utilizado para dar às pessoas que trabalham na organização uma ideia clara do que eles estão fazendo corretamente, o que pode ser melhorado e como são percebidas pelos seus supervisores.


Como funciona?

No processo de avaliação de desempenho 180º, acontece a autoavaliação, pelo colaborador, e a avaliação externa, por parte de um gestor imediato.

Entenda melhor como se dá cada etapa:

Na autoavaliação: Os colaboradores devem ter ciência de seus pontos fortes e fracos. Ele preenche um formulário com questões adaptadas à classificação adequada para si mesmo e compartilha o feedback sobre a percepção do seu próprio desempenho. Isso também é uma oportunidade para que ele veja o quanto aprendeu no período entre duas avaliações.

Na avaliação do gestor: Depois que o funcionário se avalia dentro do conjunto de competências relevantes para sua função, o gerente o avalia em competências similares. A autoavaliação também fornece informações ao gerente sobre como o funcionário pensa e sobre a sua personalidade.

Com o resultado desse processo, são projetados relatórios para melhorar a consciência de um indivíduo sobre suas capacidades e indicar as áreas que precisam ser aprimoradas. Ao mesmo tempo, são direcionados recursos para estimular o seu desenvolvimento.

Outro ponto interessante é que o relatório gerado pode ser discutido pela dupla gestor-funcionário, com ou sem a presença de um especialista de RH facilitador.

O fruto de todo esse processo é a criação de um Plano de Desenvolvimento Individual detalhado para o funcionário, que visa promover melhorias que auxiliarão tanto o crescimento da empresa quanto a evolução do colaborador como profissional.

Alguns aspectos considerados para a avaliação são:

  • Qualidade do trabalho realizado
  • Produtividade
  • Pontualidade
  • Relacionamento
  • Cooperação
  • Flexibilidade

Questões pertinentes na avaliação 180 graus

O questionário utilizado para a avaliação 180 graus se adapta à função e às responsabilidades do indivíduo dentro da empresa e também à maneira como a organização funciona.

As perguntas giram em torno de tópicos como: liderança, cultura, comunicação, gestão de projetos, solução de problemas, etc.

Aqui estão alguns exemplos do que pode aparecer em um questionário de avaliação de desempenho deste tipo:

  • Que qualidades de liderança o indivíduo demonstra na interação com outros colaboradores?
  • O colaborador preenche todas as responsabilidades de sua função?
  • De que maneira o colaborador exibe habilidades na resolução de desafios
  • O colaborador é aberto a receber feedback?
  • O colaborador possui forte, médio ou fraca capacidade de negociação?
  • O quão adaptável ele é em circunstâncias difíceis?
  • Como o colaborador se relaciona com membros da equipe?
  • Qual é a influência positiva ou negativa que o colaborador exerce nos demais?
  • Com que frequência o colaborador toma iniciativa?

Quais são as vantagens da avaliação 180 graus?

A avaliação 180 graus apresenta diversas vantagens para a empresa e trabalhadores.

Do lado dos colaboradores ela possibilita a reflexão sobre pontos fortes e fracos, foco no desenvolvimento do desempenho individual, maior compreensão da meta, etc.

Para a empresa, ela permite reconhecer e gerenciar o desempenho da equipe, a criação de estratégias de desenvolvimento, melhorar a retenção de funcionários, entre outros benefícios.

Veja mais algumas vantagens:


Precisão de dados

Um processo de avaliação projetado por uma equipe capacitada, com um formulário de avaliação adequado à cultura da sua empresa, fornecerá à sua organização dados de avaliação de desempenho centralizados, estruturados e consistentes.


Melhoria do clima organizacional

O ambiente de trabalho se torna mais agradável, pois os pontos negativos podem ser identificados e trabalhados para promover o bem-estar e por consequência, o engajamento de todos.


Estímulo do diálogo entre líder e liderado

A comunicação entre colaboradores e seus líderes é favorecida, pois, durante os diálogos, ambos podem compartilhar ideias e opiniões, ajudando na compreensão e fortalecimento de vínculo entre os dois.


Como aplicar uma avaliação 180 graus na empresa?

Se você decidir que a avaliação 180 é a melhor escolha para a sua organização, precisa saber exatamente como começar a aplicar a metodologia.

A boa notícia é que o sistema é bem fácil de ser apresentado e administrado. Veja algumas etapas importantes para implementá-lo e alcançar os resultados desejados:


Comunique e engaje colaboradores e gestores

Os colaboradores e gestores precisam estar cientes e preparados para o processo de avaliação. Portanto, crie ações para orientar os participantes, explicando o processo e promovendo o engajamento de todos.


Determine as funções e responsabilidades

Categorize cada uma das funções existentes na organização e estabeleça seus deveres, responsabilidades e objetivos básicos. Essas informações permitirão que sejam estabelecidas quais habilidades serão avaliadas e isso ajudará a definir novas metas quando chegar a hora.


Defina as perguntas adequadas

Para obter as respostas necessárias, é preciso fazer as perguntas certas. Com um questionário estratégico, será possível compreender como está o cenário atual e o que precisa ser melhorado, dessa forma, a análise de desempenho terá mais precisão.


Prepare o processo de feedback 180 graus

Com o questionário pronto, chega a hora de liberá-lo e  reunir os feedbacks. Muitas empresas utilizam softwares de avaliação de desempenho que ajudam a automatizar o processo, tornando-o muito mais rápido e preciso.

Essas ferramentas se encarregam de enviar os formulários, além de receber as informações e filtrá-las no perfil de cada funcionário. Desse modo, o departamento de recursos humanos só precisa estudar os resultados, analisar os KPI da avaliação de desempenho e repassá-los ao funcionário sob análise.


Estabeleça um plano de desenvolvimento

As informações obtidas do processo de avaliação devem ser utilizadas na elaboração de um plano de desenvolvimento pessoal que melhore os pontos fracos detectados e aproveite os pontos fortes. O objetivo é otimizar o desempenho e obter melhores resultados de curto prazo, para que a próxima avaliação apresente indicadores mais altos.


Conclusão

A avaliação de desempenho 180 graus é um dos métodos mais eficientes para analisar a performance de sua equipe. Com ela, você irá obter informações completas e objetivas sobre os profissionais e, assim, poderá planejar os próximos passos na gestão de pessoas de forma estratégica.

O material obtido por essa ferramenta beneficia muito o setor de RH, especialmente na definição de treinamentos para os colaboradores. Para continuar aperfeiçoando os processos de comunicação e feedback, ou transformar os insights gerados pela avaliação em projetos claros, você pode experimentar o AEVO Innovate, uma plataforma completa para a gestão de pessoas e inovação em seu negócio.

Além do AEVO Innovate, você pode contar com o AEVO Boost, a plataforma de cursos online da AEVO, onde você pode capacitar seus colaboradores no universo da inovação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *