Como definir indicadores de desempenho? 5 dicas práticas para empresas

Numa organização, existem várias formas de mensurar cada atividade, projeto e ação, por isso, surgem as dúvidas sobre como definir indicadores de desempenho de cada área. Confira 5 dicas que te auxiliarão neste processo.

Os indicadores de desempenho são ferramentas cruciais para o sucesso de qualquer negócio, afinal eles podem demonstrar que a empresa está avançando na direção e ritmo adequados. Mas, há um grande desafio, que pode ser resumido na questão: como definir indicadores de desempenho relevantes e práticos para a minha organização?

A escolha de métricas relevantes é fundamental e é preciso saber delimitá-las com precisão, para permitirem que os gestores façam uma avaliação objetiva e racional.

Entenda como definir indicadores de desempenho organizacional com 5 dicas práticas neste artigo.

Afinal, o que são indicadores de desempenho?

Indicadores de desempenho são métricas para avaliar a performance de uma empresa em certa área – vendas, capacidade produtiva ou gestão de pessoas, por exemplo.

Por meio dessas informações, é possível tomar decisões mais objetivas, que levam em consideração o cenário atual do negócio e as expectativas para o seu futuro.

Numa organização, existem várias formas de mensurar cada atividade, e por isso surgem as dúvidas sobre como definir indicadores de desempenho.

Olhar para o número total de vendas realizadas, a taxa de retenção dos clientes ou o seu custo de aquisição, por exemplo, nos permite observar ângulos diferentes de uma situação – e estes são apenas alguns indicadores de uma área específica na organização.

Os indicadores de desempenho também podem ser usados de forma comparativa, avaliando a sua posição no mercado, ou os avanços que a empresa obteve ao longo do tempo, e permitindo que as próximas decisões estejam apoiadas nesse alicerce mais amplo.

Como definir indicadores de desempenho na sua empresa

Cada organização terá o próprio foco ao definir os indicadores mais adequados – e a escolha pode mudar com o tempo, se a empresa notar que não está obtendo o recorte mais adequado da realidade. Essa definição passa por duas etapas.

Determinar objetivos

Existem várias frentes de atuação e objetivos numa empresa, e será preciso determinar cada um para escolher os indicadores mais adequados.

Nesse primeiro momento, os objetivos podem ser genéricos, como aumentar as vendas, melhorar o relacionamento com o cliente ou reduzir o número de erros cometidos pela equipe, por exemplo.

Considerar os indicadores possíveis

Perceba como alguns objetivos – como aumentar as vendas ou diminuir os erros – terão indicadores evidentes. Basta mensurar esses eventos ao longo do tempo para avaliar o sucesso ou fracasso com relação à meta determinada.

Em outros casos, é preciso considerar as possibilidades. Para mensurar o relacionamento com o cliente, por exemplo, vamos analisar o número de reclamações, as avaliações positivas, a renovação de uma assinatura, a compra de novos produtos…?

Todas essas respostas são válidas de alguma forma, e certamente existem outras opções.

Cada empresa terá de escolher a mais adequada aos seus interesses, e fazer testes práticos para validar a escolha ou traçar novos planos.

5 dicas práticas sobre indicadores de desempenho

Tarefas como definir indicadores de desempenho são simples, à primeira vista, mas existem algumas ações para explorar todo o potencial desse processo e transformá-lo num recurso para o sucesso das suas iniciativas:

1. Faça uma abordagem estratégica

Quem está liderando uma equipe, ou uma organização inteira, não precisa acompanhar cada métrica envolvida no processo, e pode se concentrar em alguns poucos números que representem amplamente o cenário atual.

É daí que vem o conceito de KPI – Key Performance Indicator, ou Indicador-Chave de Performance – que representa cada métrica essencial para acompanhar o sucesso ou as adversidades em uma iniciativa.

2. Integre a equipe no processo

Quem está à frente da empresa deve trazer múltiplas visões para a mesa antes de tomar uma decisão final.

Desde a pessoa responsável pelo setor em questão, até quem está na linha de frente realizando as operações, cada profissional pode contribuir com insights valiosos para a escolha do melhor indicador.

3. Reconheça as possibilidades atuais

Cada tipo de organização terá um conjunto de possibilidades, a partir de fatores como o seu tamanho, faturamento e market share, por exemplo.

Se uma startup que busca rápido crescimento trabalhar com os mesmos indicadores usados por uma multinacional líder no mercado, é muito provável que uma das duas esteja caminhando na direção errada.

Não há como definir indicadores de desempenho sem ter isso em mente, afinal o próprio desempenho varia de acordo com as possibilidades apresentadas ao negócio.

4. Construa uma base de dados relevante

Para ter sucesso na definição de indicadores, é preciso dispor de dados que representem de fato a realidade da companhia.

Se uma venda ou uma despesa não é registrada do modo correto, por exemplo, a gestão irá trabalhar com um cenário irreal, e não será possível tomar a decisão mais adequada.

Atuar com uma plataforma pode ser a solução que você precisa. O AEVO Innovate, por exemplo, é um software que permite que você defina e mensure seus indicadores de inovação.

Nele, é possível concentrar os dados num espaço seguro, intuitivo e de rápido acesso, feito para lidar com informações deste nicho.

A partir daí, basta treinar a equipe para registrar os eventos, e decidir os próximos passos com base nos relatórios automáticos gerados pela plataforma.

5. Trabalhe com os vários níveis de indicadores

Para cada objetivo, existem indicadores primários – a métrica que determina se o resultado é positivo ou negativo – e indicadores secundários, que dão suporte para esse resultado.

Num exemplo simples, se o objetivo é aumentar as vendas, então o seu número será o indicador de primário, enquanto a abordagem de potenciais clientes e a taxa de conversão podem ser indicadores secundários.

A questão não é apenas conceitual, pois atinge os diferentes níveis de uma organização, pois enquanto o gestor de vendas estará preocupado com o número total, cada profissional da equipe estará se dedicando a abordar mais clientes ou melhorar sua conversão.

Conclusão

Todo gestor precisa saber como definir indicadores de desempenho, mesmo que não esteja consciente disso, afinal ele sempre está buscando um objetivo.

Entender o processo, e ganhar controle sobre ele, é uma forma de trazer clareza e objetividade para essa visão, transformando-a numa poderosa ferramenta para obter resultados positivos.

Para aumentar as chances de sucesso trabalhando com vários dados, agentes e decisões, é fundamental usar uma plataforma capaz de centralizar e organizar os eventos registrados por toda a equipe, gerando relatórios intuitivos para direcionar suas próximas ações – papel que o AEVO Innovate cumpre com grande eficiência.

Solicite uma demonstração gratuita e saiba como isso pode acontecer na sua empresa!

Livia Nonato

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), atua na área de marketing, content e SEO há quatro anos, tendo como principal foco a otimização para mecanismos de busca, gestão e crescimento dos canais de aquisição orgânico, performance e growth. Experiência e conhecimento em SEO para empresas B2B e produtos complexos. Atualmente, é analista de SEO na AEVO e aborda temáticas de inovação e tecnologia como redatora do blog AEVO.

Livia Nonato

Livia Nonato

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), atua na área de marketing, content e SEO há quatro anos, tendo como principal foco a otimização para mecanismos de busca, gestão e crescimento dos canais de aquisição orgânico, performance e growth. Experiência e conhecimento em SEO para empresas B2B e produtos complexos. Atualmente, é analista de SEO na AEVO e aborda temáticas de inovação e tecnologia como redatora do blog AEVO.

Compartilhe o post

Facebook
LinkedIn
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sidebar versão 2 para o copy AEVO One-Stop Shop de Inovação

Assine nossa newsletter

Fique sempre atualizado com nossos conteúdos sobre o universo da Inovação.