Matriz SWOT: o que é, conceito e como começar

matriz-swot

O que faz uma empresar não falir no Brasil: ter um produto revolucionário ou conhecer bem seu ambiente interno e externo? Se você escolheu a segunda alternativa como resposta, está na hora de conhecer a matriz SWOT.

O que é matriz SWOT e como ela funciona? Aproveite este artigo para conhecer a ferramenta que falta na sua empresa!


O que é Matriz SWOT e como ela funciona?

Também chamada de matriz F.O.F.A., nós podemos definir a matriz SWOT como uma ferramenta gerencial que examina o ambiente interno e externo da empresa. Por meio dela, você pode encontrar oportunidades de melhoria e otimização.

E por que isso é tão importante? Basicamente, estamos num cenário onde 716.000 empresas fecharam as portas na primeira metade do ano de 2020. Para sobreviver a um novo cenário, é importante entender as ameaças que ele traz

Contudo, é também necessário ser capaz de visualizar as oportunidades que surgem, mesmo num momento tão tenso. Em parte, a análise SWOT é sobre entender certos elementos que fazem parte do empreendedorismo.


Como funciona a análise SWOT?

A análise SWOT de uma empresa é apenas um sistema simples de análise. Seu papel é o de posicionar ou verificar a posição estratégica da sua empresa num ramo de atuação. Por isso, é uma prática que se encaixa numa startup ou numa multinacional.

Ela é uma identificação assertiva de fatores que influenciam na sua empresa – e por meio disso, oferece insights úteis para seu planejamento.

analise-swot-aevo

Como é feita a análise SWOT de uma empresa?

Na análise SWOT de uma empresa ou produto, há dois elementos importantes: ambiente interno e externo. O primeiro é formado pelo conjunto de recursos humanos, financeiros, físicos, etc, sobre poder da sua empresa.

Já o ambiente externo é aquilo que está fora do controle da sua empresa, que deve ser acompanhado de perto por ela. Dentro de cada ambiente, há 2 elementos que formam a matriz SWOT:

  • No ambiente interno, existem as forças e fraquezas;
  • No ambiente externo, existem as oportunidades e ameaças.

É hora de entendermos cada um!


Matriz SWOT: Forças

Essas são as vantagens que sua empresa possui em relação aos concorrentes, ou seja, diferenciais competitivos que apresenta. Basicamente, são elementos sob seu controle.


Exemplos na matriz SWOT

  • No marketing, sua força pode ser uma equipe de vendas experiente.

Matriz SWOT: Fraquezas

Já essas são os elementos que prejudicam ou interferem no andamento de sua empresa. Nessa etapa, é importante que reconheça os defeitos que afetam ou impedem evolução da empresa.


Exemplos na matriz SWOT

  • Na gestão, uma fraqueza é a presença de uma liderança sem experiência.

Matriz SWOT: Oportunidades

Oportunidades são elementos externos, fora do seu controle, que podem trazer impacto positivo para a empresa. Como é parte do ambiente externo, elas podem surgir a qualquer hora.


Exemplos na matriz SWOT

  • Em elementos macroambientais, uma oportunidade é o acesso a uma tecnologia que outros concorrentes não possuem/não dominam.

Matriz SWOT: Ameaças

Também fora do seu controle, são elementos que impactam negativamente em sua empresa. Como parte do ambiente externo, é importante que esteja blindado para possíveis eventos que lhe prejudiquem.


Exemplos na matriz SWOT

  • Na área de tecnologia, uma nova ameaça pode ser o surgimento de um novo hacking que pode roubar os dados de sua empresa.

Quais são os pontos positivos e negativos da matriz SWOT?

Até agora, você entendeu o que é matriz SWOT e como funciona a análise de um produto ou empresa. Contudo, é realmente vantajoso aplicar ela? Vejamos agora seus pontos positivos e negativos.


Pontos positivos

  • É uma ferramenta simples;
  • Requer poucos instrumentos para sua montagem;
  • É de fácil compreensão;
  • Permite a análise de empresas e mercados;

Pontos negativos

  • Não prevê soluções, pois é apenas uma ferramenta descritiva para guia;
  • Não estabelece o que se deve fazer, apesar de auxiliar no seu plano de negócios.

Por que usar a matriz SWOT?

A matriz SWOT de um produto ou empresa não vai lhe dar as soluções fáceis. Mas ela pode fornecer insights e um melhor direcionamento das ações a serem tomadas.

  • Ela traz uma síntese das análises externas e internas;
  • Identifica elementos chaves para a gestão da sua empresa, o que permite o estabelecimento de prioridades;
  • Prepara estratégias para riscos e problemas;
  • Realiza previsões com base no mercado e na capacidade da empresa;
  • Permiti um rápido diagnóstico da empresa.

Quando usar a matriz SWOT?

A qualquer momento, seja para uma nova empresa ou novos projetos. Até mesmo para uma empresa já existente, é possível aplicar na otimização da organização.

É importante lembrar que a cada 5 empresas no Brasil, uma fecha após um ano, segundo IBGE. Saber quando usar matriz SWOT é impedir um cenário desfavorável.


Como fazer uma análise SWOT?

Agora que sabe a teoria, é momento de definir o prático: como fazer matriz SWOT. É necessário que passe pelas seguintes etapas.


1. Definição de objetivos

Para o SWOT, é importante um objetivo claro e definido, apesar de abrangente, de forma que haja espaço para toda a empresa. Por exemplo, definir como objetivo a criação de rede social empresarial.


2. Realização de pesquisas

No ambiente interno, pesquise mais sobre os elementos que compõe sua empresa, definindo os pontos fortes e fracos. No ambiente externo, faça estudos de mercado ou consulte pesquisas realizadas por consultorias.


3. Realização do brainstorming

O brainstorming é uma discussão de equipe essencial para se chegar a ideias criativas e relevantes. Coloque os quadrantes de força, oportunidade, fraqueza e ameaça num quadro e vá pondo as ideias em cada um.

Depois, refine as respostas, eliminando as suposições para pôr no lugar dados concretos.


4. Estabelecimento dos próximos passos

Sabe as ideias que pôs – e refinou – nos 4 quadrantes? É hora de analisar e definir como serão utilizadas em seu plano de ação. Tomando como exemplo da rede social:

  • Força: identidade visual marcante e consolidada;
  • Fraqueza: criação de conteúdo sem frequência e baixa qualidade;
  • Oportunidade: mudanças no marketplace da rede social que lhe favorecem;
  • Ameaça: nova empresa do mesmo nicho ganhando relevância nas redes sociais.

Agora, reforce sua força, corrija sua fraqueza, aproveite a oportunidade e se prepare para a ameaça!


Como aplicar a matriz SWOT na sua empresa?

Você já compreendeu o que é uma matriz SWOT, como implenetar e suas vantagens. Agora, como de fato aplicar na empresa?

Você primeiro precisa ter uma boa gestão empresarial. A matriz SWOT sem gestão é como um carro sem volante: não tem função. Por isso um software de gestão pode ser uma vantagem. Acesse o nosso site e saiba mais sobre os benefícios do software AEVO Innovate.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *