Saiba como se tornar um profissional de alta performance

Um profissional de alta performance é capaz de executar suas atividades com excelência, superar os padrões de qualidade e gerar resultados consistentes.

Um profissional de alta performance contribui de modo único para a organização onde atua, gerando resultados que se destacam e entregando um desempenho acima das expectativas.

Por esse motivo, ele tem posição de vantagem para ser contratado e promovido, beneficiando a própria carreira tanto quanto a empresa onde trabalha.

Atingir esse status, no entanto, não acontece do dia para a noite.

Além de estar afiado nas principais habilidades da sua área, é preciso dominar a mentalidade e os princípios que de fato levam à alta performance, avaliando com clareza o impacto atual das suas ações, e o que precisa ser feito para atingir o próximo degrau.

Afinal, o que é um profissional de alta performance?

Alta performance é a entrega consistente de resultados que atingem ou superam a demanda exigida. Nesse sentido, um profissional de alta performance é capaz de executar suas atividades com excelência, além de superar os padrões de qualidade ou solucionar questões secundárias que identificou durante o trabalho, por exemplo.

A caraterística mais evidente nesse tipo de profissional é o senso de responsabilidade.

Ele sempre terá em mente o papel que cumpre na organização, e sabe que as suas ações tem impactos tanto para os colegas de equipe quanto para a empresa como um todo.

Como se tornar um profissional de alta performance

Avalie a sua performance atual

Uma avaliação clara e honesta para identificar seus pontos fortes e fracos é crucial para se tornar um profissional de alta performance. É importante ouvir feedbacks, principalmente aqueles mais rígidos, sem tomá-los como uma definição do seu potencial.

Observe também as responsabilidades que você tem recebido. Quando um gestor identifica profissionais de alta performance, tende a confiar neles para executar tarefas novas e mais desafiadoras.

Se você está circulando nas mesmas funções há algum tempo, pode ser um sinal de que as suas entregas estão abaixo do esperado.

Aprimore suas habilidades na prática

Treinamentos e outros tipos de capacitações tem grande importância para um profissional de alta performance, mas é preciso ir além e buscar formas práticas de exercitar suas habilidades.

Sempre vão haver centenas, ou milhares de pessoas adquirindo um conhecimento teórico semelhante, e a diferença entre elas está na capacidade para transformar isso em resultados concretos.

Busque mentores

Um mentor é alguém que sabe como ir da sua posição atual para o destino que você quer alcançar.

Por ser alguém que já “percorreu o caminho”, essa pessoa é capaz de informar atalhos e obstáculos que você levaria muito tempo para descobrir por conta própria, e vai acelerar muito a sua jornada.

Existem mentorias pagas, mas você também pode adotar um modelo de troca, oferecendo algo de valor para estar perto da pessoa escolhida.

Foque no próximo passo

Para se tornar um profissional de alta performance é preciso desenvolver várias habilidades, lidar com seus desafios internos e garantir a consistência dos resultados.

Considerar todas essas variáveis pode trazer uma sobrecarga e paralisar o seu avanço, por isso é importante focar num passo por vez.

Se você está fazendo um curso ou recebeu uma oportunidade na empresa, concentre-se para dar o seu melhor e guarde os planos futuros para quando chegar o momento deles.

Essa abordagem vai trazer uma melhoria sustentável, permitindo manter os ganhos que você conquistar.

Competências e habilidades necessárias

Dominar as capacidades técnicas da sua área é algo básico para se tornar um profissional de alta performance, mas podemos ir além, desenvolvendo habilidades úteis para impulsionar os nossos resultados em qualquer campo de atuação.

Planejamento estratégico

Profissionais de alta performance devem estabelecer metas pessoais, organizar o seu tempo, equilibrar cargas de estudo e trabalho, além de priorizar as ações mais importantes a cada momento. Tudo isso pode ser resumido num conceito: planejamento estratégico.

Ele é feito ao detalhar com clareza o objetivo desejado, e avaliar cada passo necessário para chegar lá, estabelecendo um cronograma para agir, buscando parcerias para acelerar o seu crescimento e atendendo às expectativas dos líderes e gestores na sua organização.

Alinhado a inovação

Um profissional de alta performance desenvolve o seu lado inovativo. Além da busca por cursos de inovação e capacitação eficazes na área, é preciso transformar boas ideias em execução.

Para isso, é preciso que haja uma busca pelo conhecimento constante, por ferramentas e soluções de inovação por parte do profissional; de tal modo que tudo isso chegue a companhia e fique evidente no dia a dia do colaborador.

Melhorando não apenas o seu desempenho, quanto os resultados da organização em si.

Para ajudar neste cenário, existem diversas plataformas e ferramentas que estimulam os processos de inovação na empresa, apresentar a um gestor uma iniciativa dessas pode ser um grande diferencial.

Como consequência, o profissional irá se desenvolver e a empresa gerar mais resultados ao longo prazo. Desse modo, todos saem ganhando, certo?

Um software como o AEVO Innovate possibilita que as empresas tirem ideias do papel e construam uma cultura de inovação sólida na companhia, lancem desafios de inovação aberta – se integrando a um ecossistema de inovação – e ainda capacitem os seus colaboradores com cursos corporativos gratuitos para a área.

Ótimo, não é mesmo? Sem dúvidas, essa é uma competência que as empresas estão de olho e que deve ser priorizada por quem deseja se tornar um profissional de alta performance.

aevo-innovate-blog

Escuta ativa

Um profissional de alta performance não pode ter sua visão bloqueada pelo medo ou pela arrogância.

Escute suas avaliações com tranquilidade, focando sempre no que pode aprender com elas e evitando criar respostas na sua mente enquanto a outra pessoa ainda está falando.

A escuta ativa também permite “capturar” oportunidades no que é dito ao seu redor, abrindo espaços onde você pode se posicionar para ganhar mais destaque com o seu trabalho.

Responsabilização

Em cada situação, pense no que você poderia ter feito para melhorar os resultados.

Mesmo quando outras pessoas cometeram erros, ainda é possível identificar pontos para se aperfeiçoar – talvez você pudesse ter aplicado técnicas de liderança, por exemplo.

Esse entendimento traz mais controle, para que numa próxima tentativa você seja responsável pelo seu sucesso, e pelo da equipe.

Trabalho em equipe

O nosso trabalho quase sempre está influenciando ou sendo influenciado pelas ações de outras pessoas, por isso aprender a compor ou liderar equipes é fundamental para melhorar o seu desempenho.

Isso passa por habilidades de comunicação e gestão de conflitos, dividir tarefas, conduzir reuniões, e assim por diante.

Proatividade

Essa não é apenas uma palavra bonita para o seu currículo. Ser proativo é encarar os desafios que você encontra, sem precisar que alguém mande, e o profissional de alta performance é especialista nisso.

Durante um trabalho, sempre vamos ver algo que poderia ser melhorado, e você pode atuar na solução ao invés de esperar que ela ocorra por mágica.

Pense nisso como uma oportunidade, que será aproveitada por um colega mais proativo se você deixá-la passar.

Conclusão

A jornada para se tornar um profissional de alta performance é igualmente desafiadora e recompensadora, exigindo o desenvolvimento constante para alcançar posições de destaque no seu trabalho.

Você pode acelerar alguns passos com capacitações para a área, acesse o AEVO Boost para ter acesso a treinamentos de gestão e inovação, criados com base nas experiências e necessidades reais.

Conheça os nossos cursos para impulsionar a sua carreira!

Deixar uma resposta

Assine nossa newsletter

Fique sempre atualizado com nossos conteúdos sobre o universo da Inovação.


    Eu li e concordo com a Política de Privacidade.