Programa de gestão de ideias: o que é e como implementar?

Um programa de gestão de ideias é uma abordagem sistemática para coletar, avaliar e implementar ideias em uma organização. Esse processo estruturado permite às empresas desenvolver a inovação interna de forma eficaz e selecionar as melhores ideias para se tornarem projetos de inovação.

Ideias são o combustível da inovação em qualquer empresa. Um programa de gestão de ideias assegura que o processo de ideação seja organizado e gere resultados.

Muitas vezes, pode ser difícil gerenciar e implementar com eficácia todas as sugestões, em seus diferentes estágios de maturidade, nesse cenário, a gestão de ideias se apresenta como solução.

Um programa deste tipo permite filtrar as melhores propostas, transformá-las em projetos acionáveis, e guiá-las para entregar resultados valiosos à organização. Tudo isso ocorre por meio de um processo estruturado, que inclui a coleta, avaliação, seleção e implementação de ideias.

O que é um programa de gestão de ideias?

Um programa de gestão de ideias é uma abordagem sistemática para coletar, avaliar e implementar ideias em uma organização. Esse processo estruturado permite às empresas desenvolver a inovação interna de forma eficaz e selecionar as melhores ideias para se tornarem projetos de inovação.

O objetivo do programa de gestão de ideias é ajudar as empresas a inovar e crescer, aproveitando a criatividade e o conhecimento de seus funcionários, clientes e fornecedores.

Ele contribui para a cultura de inovação, criando um ambiente no qual todos os colaboradores do negócio são encorajados a gerar ideias inovadoras e úteis para a organização.

O processo de gestão de ideias geralmente inclui algumas etapas fundamentais.

YouTube video

Preparação

A empresa define os objetivos, as fases, as campanhas e o método do programa, além de preparar a infraestrutura necessária para coletar, avaliar e implementar as ideias recebidas.

É importante envolver todos os setores da empresa, desde a liderança até os profissionais na linha de frente.

Coleta de ideias

Nesta etapa, a empresa convida e estimula todos os colaboradores a compartilhar suas ideias, fornecendo uma ferramenta acessível para que isso aconteça.

A caixinha de sugestões esteve presente nas empresas por muito tempo, mas hoje é comum adotar uma plataforma de gestão da inovação para receber, validar e acompanhar a implementação das propostas.

Avaliação

Agora o profissional ou equipe responsável deve avaliar as ideias recebidas com base em critérios definidos previamente, como relevância, viabilidade, potencial de impacto e alinhamento com a estratégia da empresa.

É interessante que a avaliação seja feita por um time diverso e multidisciplinar, trazendo diferentes perspectivas para a análise.

Implementação

É hora de testar as ideias no mundo real.

Nessa etapa, é importante que a empresa tenha um plano claro para implementação das ideias, definindo responsabilidades, prazos e recursos necessários.

Também é fundamental manter os colaboradores envolvidos no processo e realizar ajustes de acordo com os resultados alcançados.

Reconhecimento

Para manter o engajamento no longo prazo, a empresa deve considerar formas de reconhecer e recompensar os colaboradores, tanto pelo valor que suas ideias criaram quanto pelo esforço dedicado ao programa.

O que pode ser feito de diversas formas, como prêmios em dinheiro, promoções, certificados, acesso a novas oportunidades, e assim por diante.

Tenha em mente que o programa de gestão de ideias atua em ciclos, afinal sempre haverá um novo desafio e uma nova proposta criativa para melhorar os nossos resultados.

Isso significa que as etapas não acontecem apenas uma vez, nem de modo isolado, e uma empresa pode ter projetos na fase de preparação, ao mesmo tempo em que implementa ideias numa outra frente.

Com o surgimento acelerado de novas tecnologias e as mudanças constantes no comportamento do consumidor, um processo desse tipo se torna fundamental para o sucesso da empresa.

Com flexibilidade, ele permite aproveitar ao máximo a criatividade dos colaboradores e de parceiros envolvidos num programa de inovação aberta.

Como gerenciar ideias

programa-de-ideias1

A gestão de ideias conta com etapas que ajudam a otimizar esse processo, e garantir que a empresa tenha bons resultados ao coletar e implementar suas melhores ideias.

1 –  Defina um foco para o programa

Definir um foco é uma etapa crucial para o sucesso de um programa de gestão de ideias. É importante ter clareza sobre o objetivo do programa, para que todos os participantes possam direcionar suas ideias, de acordo com o objetivo.

Para definir o foco do programa de gestão de ideias, a empresa pode considerar diferentes fatores, como a sazonalidade do mercado, um problema específico que precisa ser resolvido, a busca por inovação em produtos ou processos, entre outros.

De forma pontual, podemos considerar um programa de ideias para aumentar as vendas no próximo fim de ano, ou escalar a produtividade da empresa utilizando ferramentas de Inteligência Artificial, por exemplo.

Também é possível manter um programa aberto e constante, onde cada colaborador traz suas ideias sempre que perceber uma oportunidade para melhorar algo.

Uma vez definido o foco do programa, a empresa deve comunicá-lo de maneira clara para todos os envolvidos, para que eles possam se concentrar nas ideias mais alinhadas ao objetivo estabelecido.

2 –  Selecione os responsáveis pelo Programa de Ideias

São eles que irão liderar e apoiar todo o processo de gestão de ideias.

Os responsáveis pelo programa tem um papel fundamental na criação de um ambiente propício para gerar ideias, selecionar as melhores e implementá-las.

Para garantir uma boa escolha, podemos considerar algumas ações:

  • Defina o papel dos responsáveis: é importante definir exatamente o que se espera dos responsáveis pelo Programa de Ideias, para que todos entendam qual vai ser o seu papel. Eles podem ser responsáveis por criar campanhas de ideias, gerenciar a plataforma, validar as ideias, coordenar o processo de seleção das ideias vencedoras, fornecer feedbacks, e assim por diante;
  • Identifique pessoas com habilidades adequadas: de acordo com as tarefas escolhidas, selecione pessoas que tenham as habilidades necessárias para desempenhar tais funções de forma eficaz. Algumas capacidades importantes incluem criatividade, liderança, comunicação e habilidades analíticas;
  • Incentive a diversidade: é importante ter uma equipe diversa que represente diferentes áreas e níveis hierárquicos da empresa para que haja uma variedade de perspectivas e experiências. Isso pode ajudar a gerar ideias mais criativas e inovadoras, além de facilitar a identificação de lacunas ou falhas numa ideia.
  • Estabeleça e facilite uma comunicação clara: certifique-se de que os responsáveis entendam claramente as expectativas e responsabilidades, e também possam se comunicar facilmente com os colaboradores. É importante que essa equipe tenha autonomia para avaliar e impulsionar as ideias, de acordo com os critérios definidos inicialmente.

3 – Determine os critérios de validação das ideias

Uma gestão de ideias eficiente requer linhas claras, e nesse sentido a definição de critérios para a validação é um dos elementos mais importantes.

Os critérios evitam que as escolhas dependam de opiniões ou afinidades, facilitando uma tomada de decisão com base em dados.

Os critérios também indicam aos colaboradores quais requisitos eles precisam cumprir para que suas ideias sejam escolhidas.

Além de facilitar a construção de boas propostas, essa abordagem ainda reduz as chances de conflitos causados por um profissional sentir que suas ideias recebem menos valor que as dos colegas.

Tudo isso aumenta a transparência e a confiança no processo de gestão de ideias, incentivando a participação dos colaboradores e melhorando a qualidade das sugestões.

4 – Escolha uma plataforma para apoiar o processo

Escolher uma plataforma para apoiar o processo de gestão de ideias é uma etapa crucial para o sucesso do programa.

Ferramentas como o Software AEVO podem ajudar a gerenciar todo o fluxo de ideias, desde a coleta até a implementação.

A escolha da plataforma deve ser feita com base nas necessidades da empresa e do programa de gestão de ideias, e você pode considerar elementos como: facilidade do uso, capacidade de personalização, funcionalidades oferecidas e compatibilidade com os sistemas existentes na empresa.

A plataforma ideal também pode ajudar a criar um processo mais estruturado de gestão de ideias, permitindo que elas sejam rastreadas e avaliadas em cada etapa.

Tudo isso aumenta a confiança e o engajamento da equipe no programa, além de ajudar a garantir que as melhores ideias ganhem vida.

Outro benefício importante da gestão por meio de uma plataforma é a possibilidade de acompanhar métricas e indicadores de desempenho do programa de gestão de ideias.

Com dados precisos, é possível avaliar a eficácia de cada iniciativa e identificar oportunidades de melhoria.

5 – Envolva toda a equipe no Programa de Gestão de Ideias

Envolvendo toda a equipe no Programa de Gestão de Ideias, é possível colher benefícios significativos, ampliando seu potencial inovador.

É sempre válido reforçar que uma ideia pode vir de qualquer um, independente do nível hierárquico ou setor em que trabalha.

Quando as lideranças e os colaboradores estão cientes disso, todos terão mais chances de encontrar soluções para desafios específicos e contribuir com o crescimento da empresa.

Existem diversas formas de envolver a equipe no programa de gestão de ideias, e algumas ações concretas que podem ser adotadas incluem:

  • Compartilhar o objetivo do programa: é importante que todos os colaboradores entendam a importância do programa e como suas ideias podem contribuir para a empresa;
  • Disponibilizar um canal acessível: é preciso ter um canal de comunicação que seja acessível a todos os colaboradores, como um software de gestão de ideias, e que permita o registro e o acompanhamento das propostas submetidas;
  • Estimular a participação: motivar a participação dos colaboradores pode acontecer por meio de campanhas de incentivo ou premiações para as ideias mais inovadoras, por exemplo.

Além dessas ações, é importante que a empresa crie um ambiente favorável à inovação e incentive a criatividade de seus colaboradores.

Para isso, podemos oferecer treinamentos e workshops sobre inovação e criatividade, promover a troca de ideias entre os colaboradores e investir em tecnologias e ferramentas que facilitem o processo.

6 – Dê feedback as ideias aprovadas e não selecionadas

Dar feedback tanto às ideias aprovadas quanto às não selecionadas contribui para o engajamento e o desenvolvimento dos colaboradores, além de garantir a continuidade do processo de inovação na empresa.

O feedback das sugestões escolhidas valoriza o colaborador que trouxe a ideia, mostrando como sua contribuição foi reconhecida e teve um impacto positivo na empresa.

O reconhecimento é um motivo para que esse e outros profissionais continuem participando do programa e contribuindo com novas ideias.

Por outro lado, o feedback das ideias não selecionadas é uma oportunidade para que o colaborador entenda por que sua proposta não foi escolhida e possa melhorar as futuras contribuições.

É importante que essa resposta seja construtiva, destacando os pontos fortes da ideia e sugerindo áreas que precisam de ajustes, para que o colaborador possa aprender com a experiência e crescer profissionalmente.

Além desses benefícios, dar feedback aos colaboradores ajuda a manter a transparência no processo de seleção de ideias, aumentando a confiança da equipe.

Quando os colaboradores percebem que suas ideias são avaliadas de forma justa e objetiva, eles se sentem mais motivados a participar e a contribuir com novas propostas.

Além de ser claro e construtivo, é importante que o feedback seja fornecido rapidamente, para que o colaborador possa implementar as sugestões enquanto sua ideia está fresca.

A empresa também pode incentivar o compartilhamento de feedbacks entre os próprios colaboradores, para que eles aprendam uns com os outros e ganhem habilidades que os permitam liderar futuros projetos, reforçando a cultura de inovação da equipe.

7 – Premie e reconheça as pessoas que deram ideias inovadoras

Reconhecer as pessoas que deram ideias inovadoras estimula a criatividade e incentiva os colaboradores a participar ativamente do programa.

Essa prática também mostra que a empresa está comprometida com os profissionais, o que pode aumentar a sua satisfação no trabalho e consequentemente, sua produtividade e engajamento.

Existem diversas maneiras de premiar e reconhecer as pessoas por suas ideias inovadoras.

Algumas empresas optam por prêmios em dinheiro, outras preferem oferecer viagens ou treinamentos. O importante é que o reconhecimento seja feito de forma justa e transparente.

A empresa também pode focar em uma cultura de reconhecimento contínuo, valorizando não apenas as grandes ideias, mas também as pequenas contribuições dos colaboradores.

Isso pode ser feito através de um sistema que incentive a participação constante no programa, contando com elementos da gamificação para criar metas e recompensas.

Conclusão

A gestão de ideias é um processo fundamental para o desenvolvimento e sucesso de qualquer organização. Ao seguir um programa bem estruturado, é possível aumentar a criatividade e inovação, envolver toda a equipe e ganhar produtividade.

Para implementar seu programa uma plataforma de gestão de ideias como o Software AEVO pode ser uma ferramenta valiosa, centralizando as ideias em um só lugar, facilitando o acesso aos dados e análises, e permitindo o engajamento da equipe em tempo real.

Solicite uma demonstração gratuita e descubra como o AEVO pode otimizar a sua gestão de ideias.

Livia Nonato

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), atua na área de marketing, content e SEO há quatro anos, tendo como principal foco a otimização para mecanismos de busca, gestão e crescimento dos canais de aquisição orgânico, performance e growth. Experiência e conhecimento em SEO para empresas B2B e produtos complexos. Atualmente, é analista de SEO na AEVO e aborda temáticas de inovação e tecnologia como redatora do blog AEVO.

Compartilhe o post

Facebook
LinkedIn
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sidebar versão 2 para o copy AEVO One-Stop Shop de Inovação

Assine nossa newsletter

Fique sempre atualizado com nossos conteúdos sobre o universo da Inovação.