O que é modelo canvas e qual sua importância?

o-que-e-modelo-canvas

Oferecer um produto ou serviço de qualidade ao público nem sempre é o suficiente para manter as portas abertas da sua empresa. Apesar de qualidade ser essencial, é importante saber como administrar os negócios.

Ou seja, entender como gerir cada setor, o que exige um plano de negócios. Esse documento deve ser criado antes mesmo de abrir uma empresa. E se ela já está em operação e ainda não o possui não é tarde demais para desenvolvê-lo.

O plano de negócios é útil também ao promover mudanças significativas e para contribuir com o processo existe uma ferramenta bastante eficiente: o modelo canvas.

Mas o que é modelo canvas e qual sua importância para um plano de negócios? Continue lendo este artigo e esclareça essa e outras dúvidas.


O que é modelo canvas?

O que é modelo canvas refere-se a uma ferramenta amplamente utilizada por empresas de todos os portes e segmentos de mercado na hora de fazer o seu plano de negócios. Como já dito, ter esse plano é fundamental para saber como vai funcionar a empresa.

A popularidade do modelo canvas é o resultado da sua praticidade. Em vez de só ser escrito em forma de documento, o plano de negócio é visualizado de maneira gráfica. Para tanto, pode-se usar um quadro ou mural e contar com a ajuda de post-it.

No modelo canvas, o local usado para esquematizar o plano de negócio é dividido em nove partes e cada uma delas se refere a um aspecto da empresa.

Cabe ao grupo responsável por criar o plano de negócios definir o que deve constar em cada uma. Com essa dinâmica é possível ter uma visão mais ampla do empreendimento, bem como identificar o que pode mudar ou melhorar em relação à ideia original.

Mesmo que seja importante uma empresa iniciar as suas atividades já tendo um plano de negócio, ele pode ser feito depois. A recomendação é ser um dos primeiros passos da abertura do negócio porque ele contribui significantemente para o seu funcionamento.

Da mesma forma, contribui com o processo de modernização, inovação ou mudança na empresa. Isso porque quando as informações são visualizadas de modo que se comuniquem umas com as outras consegue-se perceber se as ideias estão alinhadas.


Conheça as etapas do modelo canvas

Após entender o que é modelo canvas, chega a hora de saber quais são as suas etapas ou divisões do mural, onde devem ser listadas as informações pertinentes de forma sucinta. Veja quais são elas:

exemplos-Modelo-canvas-marketing

Segmento de clientes

Consiste no público-alvo que a empresa vai atender ou já atende. É importante entender quem são os consumidores em potencial dos produtos ou serviços. Assim, são reconhecidas as suas necessidades e definida a maneira de atendê-las adequadamente.

Ao identificar os clientes, consegue-se ainda escolher o tom de voz apropriado para se comunicar, bem como determinar outros aspectos. Entre eles, os melhores lugares para oferecer o produto ou serviço e o jeito certo de abordá-los.


Proposta de valor

Refere-se ao motivo dos clientes escolherem a sua empresa, ou seja, o que ela oferece além do produto ou serviço em si. Para compreender melhor é possível citar um exemplo.

Uma marca que vende um software de gestão empresarial não só proporciona recursos para ajudar nas atividades do dia a dia. Ela também oferece qualidade, agilidade, eficiência, economia, etc. Esses são alguns dos valores propostos.


Canais

Aqui, é preciso decidir como a sua empresa vai se comunicar com os seus clientes e por onde vai oferecer e vender os seus produtos e serviços. Refere-se tanto aos locais onde o público pode encontrá-los quanto aos meios para divulgar a sua marca.


Relacionamento com o cliente

Mais uma etapa do que é modelo canvas consiste em optar pelas formas de se relacionar com os clientes. De acordo com o segmento de mercado, o relacionamento pode ser online, offline ou haver as suas opções. É preciso conhecer as preferências do público.


Receitas

Trata-se de determinar como serão geradas as receitas da empresa. Assim como as demais etapas, depende da sua área de atuação.

A receita provém do pagamento pelo serviço ou produto, sendo que pode se dar por meio de mensalidade, empréstimos, aluguéis, licenciamentos, por item vendido, entre outras modalidades.


Recursos principais

Nessa etapa, deve-se levantar quais são os principais recursos para a empresa funcionar.  Eles podem ser humanos, como os colaboradores, e/ou materiais, a exemplo de máquinas, equipamentos e outros.

É importante ainda identificar os recursos financeiro necessários para obter os demais tipos de recursos.


Atividade-chave

Trata-se do que a sua empresa faz principalmente. Pode ser a produção de um ou mais produtos, a oferta de serviços ou a venda de mercadorias. Mesmo parecendo óbvio é mais uma informação relevante para constar no que é modelo canvas.


Parcerias

Estipular parcerias é essencial para um plano de negócios completo. Aqui, entram tanto os serviços que devem ser terceirizados quanto os fornecedores e demais empresas ou profissionais com os quais a empresa deve se relacionar para atuar no mercado.


Estrutura de custo

Embora todas as etapas sejam relevantes, definir a estrutura de custo é um passo de extrema importância, porque indica quais são os custos existentes. Não raro, quem abre uma empresa não tem a noção de quantas despesas existe.

E com o modelo canvas é possível deixar essa informação bastante clara, pois exige que se pense em todos os gastos envolvidos. Não desanime se ao chegar aqui perceber que as receitas não vão dar conta dos custos iniciais.

É possível fazer adaptações, para reduzir os custos, inclusive, no que diz respeito aos recursos principais.

É por isso que o modelo canvas é tão eficiente. Ele permite que problemas e falhas sejam verificadas antes mesmo de abrir as portas. Assim, o plano de negócios pode ser ajustado para o melhor funcionamento da empresa.


Como usar o modelo canvas na sua empresa?

Recomenda-se que ao usar o que é modelo canvas haja um grupo de profissionais, tanto gestores quanto colaboradores da empresa. Inclusive, se o plano de negócios for feito depois dela estar em funcionamento.

Além disso, se o empreendimento passar por uma mudança é ainda mais importante que haja um grupo bastante misto desenvolvendo o novo plano de negócios, com colaboradores dos diversos setores.

Esse cuidado permite que nenhuma das áreas fique de fora do que é proposto. Mais uma dica é deixar o modelo canvas bem à vista de todo o quadro de pessoal da empresa, mesmo para quem não participou da criação.

Isso é importante para acompanhar as transformações que estão acontecendo. Visualizar o plano de negócios permite ainda compreender o trabalho que cada um executa, promovendo um melhor desempenho da equipe. 


Conclusão

É fácil entender o que é modelo canvas, mas a sua concepção exige muito esforço e dedicação da equipe. Isso ocorre porque o plano de negócios norteia todo o funcionamento da empresa.

Assim, ele deve ser bem elaborado e pode contar ainda com o auxílio de outras ferramentas, como o AEVO Innovate. Trata-se de um software de gestão da inovação muito útil para empresas que desejam promover mudanças na sua empresa.

Clique aqui para saber como as suas funcionalidades podem ajudar na criação do seu plano de negócios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *